10 de abr de 2011

Evitando a fadiga em relacionamentos.#fato!

 
            No canto da sala ainda está a minha mala com a etiqueta da última viagem que fiz pra ver ele, minha consciência dizia que era a última vez, mas como a gente sempre tenta  mentir pra nós mesmas, se iludindo...na crença dos "Felizes para sempre".affffffffff

            Inegavelmente a vida não é um conto de fadas não somos princesas e não teremos príncipes, poderemos nos apaixonar por sapos mas não podemos nos iludir que um dia irão virar príncipes.#fato!
            
             Ilusão só alimenta ilusão e toda crença é válida desde que acompanhe um tanto de cunho intelectual que nela exista, não é a toa que diariamente relacionamentos têm fim, as pessoas já começam errando.

               Sonham algo e querem impor isso a outra pessoa, esquecemos apenas que os sonhos são nossos e não das outras pessoas, sonhos são únicos, intimos, diferente de sonhar junto é querer aplicar ás pessoas os nossos sonhos.

               Os sentimentos devem passar sim pelo crivo da razão, afinal nos diferenciamos dos animais, por essa racionalidade que desaparece às vezes #superfato!

               O pior de tudo é que a gente sempre sabe, ó Deus como a gente sabe não é? aquela vozinha AZUCRINANTE que te fala no ouvido que é tudo uma mentira!!!
  
                Aí vem o seu impulso de arriscar pronto e foi-se tudo!

               Mais uma decepção, mais alguns meses pra superar, mais uma página na sua história que você, tão somente você insistiu em escrever.

               Algumas semanas de reclusão social, algumas músicas dramaticas antes de dormir, algo como tribalhistas, Marisa Monte, Skank, Nenhum de nós com aquela "Vc vai lembrar de mim" pq a gente se ilude ainda.

                Essa mala no canto da sala significa muito mais que uma etiqueta da última viagem, significa que eu fui idiota o bastante ao tentar não ouvir a minha consciência e insistir em algo que eu sabia que não ia dar certo.

                Nesse momento a minha querida consciência me diz que foi apenas um dos tombos e que virão mais.
                Eu digo:

                -Querida consiência, fale com a voz mais firme da próxima vez, para que eu no auge do meu deslumbramento consiga te escutar!

                 Mas que nada, a vida é isso, esse cair e levantar constante, não conheço nada que tenha ficado no mesmo lugar depois de um tombo, ele mesmo te impulsiona um pouco mais pra frente não é verdade?

                  Talvez dessa forma, a gente saia da prisão das ilusõese se liberte ao cair na realidade.

                  Hoje após alguns longos meses vou retirar a etiqueta dessa maldita mala que só me faz lembrar de quem eu quero esquecer, quer ir meu filho!!!!!!!!! Vai com Deus, não te aprisionarei mais nos meus pensamentos, mesmo que eu lembre de você todas as vezes que ouço o meu guitarrista favorito, não vou deixar de escutar as músicas dele ok...

                   Deixar as coisas para trás dói, não é fácil importante é entender que isso não faz mais parte da nossa vida e deixar ir.

                    Que fácil né, falar é muito fácil, na prática isso resulta na minha falta de interesse em qualquer pessoa! #fato!

                   Desinteresse, por coisas e pessoas, vo não, quero não, sem tempo pra msn, conversinhas hipócritas e sem nexo.

                     No momento quanto a relacionamentos estou evitando a fadiga, #fato!

                     Estou fazendo como diria um dos meus escritores favoritos Caio Fernando de Abreu:

·        Tô repetindo: que bom que sou capaz, que bom que sou forte, que bom que suporto. Colei aquele ?Eu Amo Você? no espelho. É pra mim mesmo.




2 comentários:

  1. Parabéns pelo blog.. entra no meu e se gostar pode seguir!!

    ps.: estou te seguindo!

    Abraço,
    PREGUIÇA ALHEIA
    _________________________
    http://www.preguicaalheia.com

    ResponderExcluir
  2. muito bom seu blog, segue o meu:

    http://comentariocriticoo.blogspot.com

    ResponderExcluir