14 de mar de 2011

Sim, eu amo diferenças!

            Primeiramente gostaria de ressaltar que nesse post assim como nesse querido Blog, como na cabeça dessa que vos escreve não há nenhum tipo de preconceito, capiche?

            Padrões!!!!!!!!! e como as pessoas fazem uso...

            Falo de padrões de beleza, tanto para homens do que para mulheres, pois engano seu se pensa que para os homens é diferente.

            Mulheres passando fome, virando anoréxicas pra chegar a um padrão inalcançável apenas para agradar a quem???

            A uma sociedade hipócrita que acha que todas as pessoas devem ser iguais! Se fala tanto em respeitar as diferenças e ao ligarmos a TV nos deparamos com o que???? pessoas iguais.... mulheres iguais, com o mesmo conteúdo de silicone nos seios, homens que parecem uns armários mas que não sabem dialogar de uma forma inteligente!!!!!

             Pra você ser bonita você tem que ser magra! para você ser um homem bonito tem que ter mais de 1,80cm e parecer um armário!

             O corpo da mulher perfeita é uma verdadeira escultura, o que as mulheres normais sofrem para conseguir, porém não levam em conta que ninguém é perfeito e na realidade não se faz uso do Photoshop.

              E isso realmente é um padrão, que não respeita as diferenças!

              Nem toda brasileira tem que ter bunda minha gente!!!!!!

              Caso contrário o que sería das pessoas assim como eu que nasceram totalmente desprovidas de glúteos??????

              E tem outras desprovidas de peitos, baixinhas, gordinhas, muito magras, muito altas e daí?

              Quanto aos homens também, nenhum é obrigado a ser um moreno alto bonito e sensual, ter barriguinha não é crime e ter cabelo também é um acessório.

              O que eu quero dizer é que para uma pessoa ser normal ela não precisa se encaixar nos padrões impóstos pela sociedade fútil e hipócrita na qual vivemos.

              Outra coisa bem interessante que tenho visto nos últimos tempos que derruba o preconceito com as gordinhas são as manequins plus size, são garotas lindéeeeeeeeeeerrimas que mostram que para ser bela você não precisa ser quase um esqueleto.





           É preciso ser igual?????

           Queria saber onde está escrito que para você ser bonita, tem que ser alta e magra!

            Eu já fui um palito de 1,70 cm e sinceramente não gostava nenhum pouco disso, o que modifiquei assim que pude comendo igual uma vaca, com vários anos de academia o que me fez ganhar alguns centímetros para os lados.

             Gostaria sinceramente que algumas pessoas entendessem que esse padrão atual de beleza estilo Ana Hickmann  não se aplica a todas as pessoas, existem pessoas que podem ficar a vida toda sem comer e mesmo assim antes de morrerem desnutridas jamais teriam um corpo igual ao da Ana e sabe por que???

              Simples, é um conjunto!!! muitas gordinhas já tem uma estrutura óssea maior, por isso por mais que emagressam horrores parecem gordinhas capiche?

              Que bom que a sociedade entendesse isso, infelizmente não vejo nenhuma protagonista de novela acima do peso, principalmente na mídia brasileira.

               Bom, creio que enquanto no nosso maravilhoso país corpo for mais importante do que cérebro teremos que conviver com esteriótipos!



             

Bjos e abraços!!!!! M.P

Um comentário:

  1. Olá, Chaiane! achei o seu blog em um blog que visito..e, particularmente, essa postagem sua me chamou a atenção. Acredito que o mundo não vive a partir da igualdade entre os seres humanos, mas sim de um respeito às diferenças. E, assim, ainda acredito que a diferença é a maior riqueza depositada entre nós. Legal seu texto! Quanto ao padrão de beleza, ele é extremamente forte, terrível, massificador e exigente no mundo da moda, da mídia e na maior parte do mundo todo! valeu. Um beijo!

    ResponderExcluir